Ainda não é possível…

IMG_1529 2 2

Ainda não é possível…

Ainda não é possível a gargalhada alta que mostra todos os dentes.
Ainda não é possível relaxar nem esquecer.
Ainda não é possível abrir as asas e alçar o voo da plenitude, nem da dignidade.
Enquanto houver uma mulher nesse mundo
apedrejada,
Pedras grandes, pequenas, invisíveis…
Enquanto tantas ainda forem tratadas desumanamente, de maneira ignorante, indignamente ou brutalmente,
Não será possível a plenitude nem o descanso.
A cada pedra que voa no ar em sua direção,
Todos os outros olhares femininos deixam de brilhar um pouquinho.
Todas as outras perdem um pouquinho de sua paz.
Retraem-se…
Choram…
Muitas vezes sem nem saber o porquê.
Ainda não é possível relaxar.
Nem deixar os cabelos balançar ao vento.
Anda não é possível ser totalmente mulher.
Quando o fazemos, até parece que estamos cometendo um erro.
O que me afaga o coração é que sei que a cada passo que dou contra a “maré” aqui, nem sei se posso nomear tal fato antinatural com o nome de um dos milagres da natureza…, sei que faz acender um pontinho de luz por lá.
Lá ou cá.
Contra a crueldade e ignorância, a grande mágica da vida.
A ligação.
Poucas mágicas são tão verdadeiras.
Mas o sofrimentos acontecido não some.
E todas nós compartilhamos as cicatrizes.
Ser o feminino é também carregar cicatrizes.

Nesrine B.

Informações

Título: Ainda não é possível…
Publicado em: 10/07/2014
Publicado por:
Categoria: Textos e publicações
Tags:, , ,

Um comentário em “Ainda não é possível…

  1. Gravatar of Luciana Ortiz Bastos who made comment number 95 Luciana Ortiz Bastos says:

    Oi, td bem, sou Luciana de Porto Alegre

    Achei maravilhoso.

    Faço Dança tb ha tempos..

    PARABENS

Comente!

Seu e-mail não será publicado.

Copyright © 2018 Dance! Porque é bom.
NeighborlyTema WordPress licenciado sob GNU GPL