Calcinhas e calcinhas

texto calcinhas e calcinhas

Calcinhas e calcinhas

A calcinha, sem dúvidas, é uma das peças do vestuário que quando é vista fora do contexto da intimidade dá o que falar. Poucas peças dos vestuário incomoda tanto assim quem as vê.
Então, falemos dela!
Lembra-se de alguma vez que foi a uma apresentação de dança e viu a calcinha da bailarina? Já passou por isso?
Vou te falar que já vi várias!!
Você se incomodou? Soube de alguém que se incomodou?
É sabido que, desde o início de nosso aprendizado, para nos protegermos de situações constrangedoras, é bom seguirmos algumas regrinhas de etiqueta como: alfinetar todo o figurino antes de uma apresentação, cuidar da nossa toalete, tomar o cuidado de prestar atenção no modelo do figurino que está usando para adaptar sua dança para que não fique descomposta, cobrir-se com uma abay/véu/capa quando estiver fora de cena e assim por diante.
Mas e quando algum pequeno descuido acontece e escapa uma calcinha?
Pode ser sobre o cinturão, pode ser apenas a etiqueta aparecendo e também a grande vilã: a calcinha que aparece por entre as fendas da saia!
Ah não!! rsrsrs…
Brincadeira a parte, eu gostaria de sugerir que pensássemos um pouquinho sobre a real importância de termos visto uma calcinha repentina durante uma apresentação de dança: será que vale a pena não apreciar mais a apresentação por causa disso? Será que foi tanto descuido assim que posso chegar ao ponto de julgar a bailarina descuidada ou desmazelada? Será que é um descuido que posso relevar? Será que foi tão horrível assim? Merece perder ponto no concurso?
Cada um tem sua opinião e seus limites e não devemos discutir isso.
O importante é você conhecê-los.
Se realmente te incomoda, ok, e se nem dá bola, ok também.
O fato é que esse tipo de acontecimento não pode ser o suficiente para desmoralizar ou acabar com a apresentação de uma boa bailarina.
Na minha opinião, existem calcinhas e calcinhas…
Existe uma certa facilidade de aparecer descuidadamente um calcinha de repente, mas para mim isso não é um problema. Acho bem comum até.
Fendas profundas, bojos bem pequenos, corpos bem à mostra e saias que são vulneráveis a esse risco não me constrangem.
A intenção da bailarina de mostrar seu corpo não me constrange. O acaso mostrando uma coisa que era para estar escondida também não.
Me incomoda muito mais quando a roupa de baixo é muito colorida e fica o tempo todo aparecendo sob a saia por causa da cor. Mas encaro como um problema no figurino. Nada mais.
Para mim, constrangedor é quando a dança ainda não está tão madura para sustentar adversidades.
É quando a calcinha vem acompanhada de mais um série de descasos e descuidos: figurino caindo pedras, maquiagem borrada, cabelo bagunçado, dançando fora da música e calcinha que apareceu. Aí não dá…
Mas um de cada vez, sustentados por uma dança digna, por uma boa conduta da bailarina ou por uma personalidade forte, por mim está tudo bem!
Se é a calcinha, cabelo ou as miçangas do figurino, não importa… todos têm o mesmo peso.
Até porque não vejo diferença entre calcinha e biquíni.
Não é adequado usar biquíni na cidade nem ficar mostrando numa apresentação de dança, mas se acontece por um acaso, não serei eu quem vai questionar a pessoa a respeito de sua moral.
Muitas vezes vejo a calcinha ganhando um peso diferente dos outros problemas: moral e sexual.
A bailarina pode ser é julgada desmazelada, provocadora, sem elegância e até acusada e denegrir a imagem da dança!!
Tudo isso pode até ser verdade… mas pode não ser também. Pode ser uma exagero e uma grande bobagem.
Uma calcinha sozinha não tem todo esse poder. Disso eu tenho certeza.
Moral, está aí um bom assunto!
Na sua opinião, o que agride ou afeta a moral?
Mostrar uma peça de roupa íntima? ter um bojo pequeno no topo e fendas profundas? ou outras coisas?
E as bailarinas que usam shorts debaixo do figurino?
Com certeza estas estarão protegidas de mostrar a calcinha, mas isso significa que ela é mais digna do que a que não usa? Só o shorts a protege de não denegrir a imagem da nossa dança?
(Será mesmo que existem pessoas que acreditam nisso???)
O problema é realmente a calcinha?
Bom, existem calcinhas e calcinhas…
Mas o que realmente importa? já parou para pensar?

Nesrine Bellydance

 

Informações

Título: Calcinhas e calcinhas
Publicado em: 08/06/2014
Publicado por:
Categoria: Textos e publicações
Tags:, , , , ,

4 comentários em “Calcinhas e calcinhas

  1. Nesrine
    Adorei o texto porque convida a uma refexão. Refletir é sempre bom. Ajuda a crescer. A calcinha é uma peça do nosso vestuário cotidiano, mas também é uma peça simbólica.

  2. Gravatar of Natalia F Monteiro who made comment number 64 Natalia F Monteiro says:

    Que texto lindo, muito sensato, cada dia mais fico contente em ler seu blog. Muito rico de conteúdo reflexivo, muito gostoso encontrar-se nos seus textos e ver o bom senso presente.
    parabéns com P maiúsculo!!!!! Gostei bastante!!!!

  3. Gravatar of carla who made comment number 65 carla says:

    Nesrine, adorei o texto, aliás seu blog é ótimo, adoro!!!Geralmente não ligo se está ou não aparecendo a calcinha, pois essas coisas acontecem, já vi bailarinas que durante a apresentação ficaram com o seio amostra, já vi até uma que perdeu a saia, mas às vezes as coisas ficam maiores que nós…uma vez tinha uma etiquetinha bem gasta da calcinha para fora do vestuário, toda hora que a bailarina me dava as costas eu olhava a etiqueta, rsrs, enfim ela é uma ótima bailarina, mas eu perfeccionista como só não conseguia parar de olhar, aí sim acho que acabei perdendo uma bela dança, pois tinha aquela etiqueta olhando para mim!!!Isso não é uma crítica, simplesmente um relato!!!Beijos e uma linda semana!!!

  4. Gravatar of Elaine Keite who made comment number 66 Elaine Keite says:

    Comentei seu post no face antes mesmo de ler. E como imaginava, se trata de mais uma postagem com um tema “polêmico”, mas com uma visão e opinião escrita de forma elegante.
    Parabéns por falar sobre isso…
    Lembro de escutar várias vezes por aí. Aconteça o que acontecer não pare de dançar. Recentemente passei por uma situação que nunca havia ocorrido, pois sempre fui bem dirigida no fator zelo e cuidado com a própria imagem durante a dança. Mesmo assim aconteceu. Parecia algo do mal. Meus alfinetes abriram o cinturão era pesado e no final da apresentação notei que ia cair. Segurei o mesmo e terminei a dança movimentando a saia para que não aparecesse alem do que era a proposta. Amei quando notei que o público não me julgou, pelo contrário muitas palmas no final da apresentação me trouxe uma sensação de dever cumprido mesmo numa situação que jamais imaginei passar. Entendimento antes do julgamento acredito ser a palavra e ação de ordem nestes casos. Super Beijos pra você e para as leitoras do Blog <3

Comente!

Seu e-mail não será publicado.

Copyright © 2018 Dance! Porque é bom.
NeighborlyTema WordPress licenciado sob GNU GPL